6 ideias de negócio para fazer em casa

[singlepic id=217 w=320 h=240 float=]
Até pouco tempo atrás, trabalhar em casa era algo restrito a atividades como costura, produção de comida congelada e artesanato.

Com o tempo, a lista foi crescendo e hoje inclui também actividades mais liberais, como promoção de eventos, aluguer de som e luz para festas, agência de turismo, escritório de design para sites, criação de jogos para telemóveis e produção de incensos, velas e aromas. Se você se interessou por alguma dessas actividades, confira algumas ideias de negócio que pode por em prática a partir de sua casa.

>> Perfumes terapêuticos
aromaterapia pode ser uma oportunidade para novos negócios dentro do sector de bem-estar.

O mercado ligado ao bem-estar segue em alta no país.

Um número cada vez maior de pessoas busca alternativas para equilibrar o corpo e a mente e para reduzir o stress do dia-a-dia.

Muitas actividades exigem investimentos relativamente altos, como a montagem de um spa urbano ou de uma clínica de terapias orientais. Mas se você tem afinidades com o ramo e não dispõe de muito capital, pode iniciar um negócio de produção de incensos, velas, sabonetes, sachês e outros aromatizantes, em sua própria casa, sem fazer grandes investimentos.

>> Designer virtual
A expansão da internet como ferramenta de trabalho nos mais diversos ramos de actividade acabou por abrir boas oportunidades para os webdesigners, aqueles profissionais que criam páginas personalizadas na rede.

É um negócio promissor para quem gosta de informática e quer trabalhar em casa, já que a atividade exige apenas um bom computador conectado à internet, de preferência por banda larga.

É claro, porém, que quem pretende atuar no ramo deve ter noções de programação de computador e também uma “veia artística”. A criatividade é fundamental para se dar bem na área.

>> Festeiro profissional
Uma festa cuja proposta é fazer os convidados ferverem na pista de dança requer som e iluminação potentes.

Como nem sempre os anfitriões dispõem dos equipamentos, a locação é a alternativa mais conveniente.

Para você, que entende ou gosta de electrónica, eis aí uma boa opção de negócio para começar em casa. Recomendamos que você compre primeiro equipamentos para espaços menores, como salões de festa de edifícios.

>> Organizador de viagens
Você pode montar sua própria agência de viagens, cujo papel basicamente é vender passagens avulsas para pessoas físicas ou jurídicas e revender pacotes turísticos de operadoras de turismo.

O negócio não requer grandes investimentos. Basta uma sala com mesa, computador e telefone. Não é obrigatório ter curso superior em turismo.

>> Promotor de eventos
Da produção dos convites à contratação dos manobristas do estacionamento, dos garçons ao buffet. E mais: atrações musicais, brindes, cenografia, performances teatrais e tudo o que o cliente desejar.
Uma agência de organização de eventos eficiente deve estar sempre preparada para oferecer toda a estrutura que a atividade exige. E, para começar, você não precisa mais do que um telefone, um computador e uma boa rede de fornecedores.

Você pode atender pessoas físicas ou organizar eventos corporativos, que são, em geral, mais lucrativos. A concorrência em ambos os casos é grande. Mas, como em todas as atividades, sempre há espaço para quem faz o serviço com eficiência.

>> Entretenimento de bolso
Há dez anos, os telemóveis serviam somente para fazer e receber ligações e eram bem maiores e mais pesados do que hoje.

Felizmente, a tecnologia evoluiu e agora basta um telemóvel minúsculo para receber e enviar mensagens de texto, tirar fotos, ouvir música, brincar com jogos eletrônicos e navegar na internet em alta velocidade.

Na esteira da revolução tecnológica que acontece no mundo dos telemóveis, surgiu uma nova actividade, que promete bons lucros para quem está no ramo: o desenvolvimento de jogos eletrônicos, com gráficos, imagens e som de alta qualidade.

Mais ideias para o seu negócio:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *